Mitos e verdade

“Todo soropositivo transmite o HIV”  >

Quem tem HIV e toma os medicamentos corretamente reduz a carga de vírus no organismo a um nível INDETECTÁVEL e NÃO TRANSMITE o HIV. Existe até uma campanha informativa mundial sobre isto: I = I (Indetectável = Intransmissível). Portanto, nunca é demais repetir: soropositivo com tratamento em dia e carga viral indetectável não transmite o HIV. Mas atenção: é importante usar camisinha em todas as relações sexuais, para prevenir outras Infecções Sexualmente Transmissíveis.

“Tenho que pagar pelo tratamento do HIV” >

No Brasil, todas as pessoas diagnosticadas com HIV recebem tratamento gratuito no Sistema Único de Saúde (SUS). Os medicamentos antirretrovirais impedem a multiplicação do vírus no organismo, fortalecem o sistema imunológico e reduzem as infecções por doenças oportunistas. O tratamento é para o resto da vida e, junto com exames periódicos, ajuda a manter a qualidade de vida de pessoas portadoras de HIV.

“Se o exame der negativo, posso ficar despreocupado(a)” >

Se o resultado do teste for negativo, a orientação é não baixar a guarda: continue usando preservativo corretamente em todas as relações sexuais e não compartilhe seringas ou objetos que furam e cortam (como tesouras, alicates, lâminas de barbear). Se você passar por alguma situação de risco, não fique na dúvida: procure o local mais próximo e refaça o teste.

“Se o exame der negativo, significa que estou doente” >

Se der positivo, sem desespero! O HIV/aids tem tratamento e é gratuito. Se o resultado der positivo, você será encaminhado para um médico, que avaliará o seu estado geral de saúde e pedirá exames complementares para recomendar o melhor tratamento. Todos os medicamentos antirretrovirais são fornecidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O tratamento, aliado a hábitos saudáveis, mantém a qualidade de vida do soropositivo.

“Dá para saber se uma pessoa tem HIV ou IST somente pelos sintomas.” >

Fazer o teste é o único jeito de saber se você tem o vírus. São dois tipos: o teste rápido (resultado entre 30 e 40 minutos) e o teste feito em laboratório (resultado em até 15 dias). Todos estão disponíveis na rede pública de saúde, que tem profissionais para aconselhamento e esclarecimento de dúvidas. O SUS também disponibiliza os testes para outras infecções sexualmente transmissíveis, como sífilis, hepatites, gonorreia e HPV. Para saber o local mais próximo e fazer o seu exame, acesse: Wellness Center o Sistema Único de Saúde . O importante é não ter medo de fazer o teste. Se der positivo, tem tratamento.


FAÇA O TESTE GRÁTIS HOJE

Com o teste rápido, você sabe o resultado em até 15 minutos.